Quem pode se inscrever no FIES?

Para quem quer realizar o sonho de concluir sua graduação em uma instituição de qualidade, mas infelizmente não tem condições financeiras de arcar com os valores de uma faculdade, saiba que o FIES pode ser a solução para os seus problemas! Este é um programa de financiamento estudantil que já mudou a vida de muitas pessoas. Se você quer ter certeza que se encaixa no benefício, leia abaixo e descubra quem pode se inscrever no FIES.

O que é o FIES?

O programa de financiamento estudantil FIES foi criado em 1999 pelo Ministério da Educação (MEC) e visa subsidiar um curso de nível superior para as pessoas que não estão aptas a pagar as mensalidades. Através de seus juros reduzidos e longo prazo de inicio de pagamento, o FIES tem auxiliado muitos jovens que buscam se capacitar profissionalmente.

As taxas de juros do FIES são consideravelmente mais baixas que as taxas comuns. A melhor parte do programa é que você só precisa começar a pagar os valores em questão depois de finalizar o seu curso, e as prestações devem ser equivalentes a no máximo 10% da renda familiar do graduando.

Quem pode se inscrever no programa?

A intenção da iniciativa é auxilar os estudantes de baixa renda, então para ter direito a participar do programa é preciso preencher alguns requisitos. São eles:
  • Ter realizado o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) em edições a partir de 2010;
  • Ter atingida nota média mínima de 450 pontos no exame;
  • Não ter zerado a redação do ENEM;
  • Ter concluído o ensino médio;
  • Não ter terminado uma faculdade;
  • Comprovar renda familiar de até 3 ou 5 salários-mínimo, dependendo da categoria que estiver concorrendo.
Se encaixa nas situações acima? Então leia abaixo o que fazer para garantir o seu benefício:

Como se inscrever no FIES?

As inscrições do programa são abertas duas vezes por ano: no começo e no meio do segundo semestre. O candidato precisa se inscrever no Sistema de Seleção do FIES informando seu CPF, sua data de nascimento, seu e-mail e então criar uma senha de acesso. Para concluir o cadastro, um e-mail será enviado para você a fim de validar a sua inscrição.


Depois é necessário aguardar a divulgação do resultado que é avaliado de modo decrescente, de acordo com o seu desempenho no ENEM. No caso de você ter realizado mais de uma prova do exame, será considerada a edição em que você alcançou a maior nota. Se pré-selecionado, você precisa ainda validar a sua inscrição comprovando sua renda e fornecendo seus dados pessoais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Quais direitos o trabalhador que pede demissão pode perde?

Saiba como é possível fazer um curso técnico de graça!

Como funciona a lei de cotas?